Cultura Algarvia

O Algarve é muito mais do que belas praias e um clima excecional, esta região oferece um património etnográfico que vale a pena partilhar, juntamente com os prazeres do sol e do bom tempo. Com os seus hábito seculares, tradições e com um património histórico, o Algarve apresenta-se um ponto de interesse cultural e histórico, durante o ano todo, mas em épocas particulares, como a celebração da Páscoa, Natal ou mesmo a Primavera, juntamente com as suas iguarias gastronómicas, a região algarvia tem um legado tão precioso que requer ser conhecido intimamente.

iguaria

As casas típicas do Algarve tem uma característica muito singular, a sua arquitetura tradicional provém de uma influência árabe, que reflete a história, gosto popular e as necessidades as gentes que moram numa região quente e soalheira. As casas algarvias pitorescas, com as suas chaminés decoradas, platibandas coloridas, açoteias frescas e o branco do cal das paredes são as suas especificidades.

Lazer Algarvio

AdrenalinaArtesanatoCalmaCorporateCulturaDesportoDiaFestasGolfeMarNoiteParaíso

O artesanato é um testemunho das artes tradicionais, da cultura, da sociedade e da economia do Algarve, com o seu cariz decorativo e de utilização, este é representativo da criatividade das gentes algarvias encontraram formas práticas e simples de utilizar os recursos naturais da região, como as mantas, passadeiras, toalhas, linhos finos e alegres tapetes; ou as bonecas sim+áticas que recriam o quotidiano das gentes, peças em madeira, cobre e ferro forjado, rendas decorativas e cestos de formato e utilização diversa, são de fácil aquisição nas muitas lojas da especialidade espalhadas por toda a região.

A gastronomia do Algarve é algo de fazer crescer água na boca, num misto de muitos sabores com uma simples confeção, tem uma histórica ancestral. Numa terra em que o sustento vem do mar, o peixe e o marisco desempenham um papel importante na cozinha algarvia, entre receitas, gostos e fusões, destaca-se as Amêijoas na Cataplana, de origem islâmica, junta-se a doçaria confecionada com amêndoas, figos, laranjas e alfarrobas cultivadas no Algarve, a que são adicionados açúcar e ovos. Não esquecendo a famosa aguardente de Medronho, os licores de frutos e os vinhos da região.

O Algarve é um lugar que reúne muitas povoações, desde a pré-história, aos tempos fenícios, romanos, árabes e cristãos, são vários os testemunhos que deixaram um pedacinho de si, para formar o Algarve de hoje. Desde os menires e monumentos megalíticos que comprovam a presença dos primeiros homens da História; também os romanos descobriram os prazeres de viver nestas paragens e deixaram os seus testemunhos da sua presença e cultura, como as Ruínas de Milreu, em Estói, a Villa Romana do Cerro da Vila, em Vilamoura, ou o povoado de Alcalar, são bons exemplos, que atualmente estão equipados com centros interpretativos, para a sua história ser contada; da ocupação islâmica em que permanece uma grande herança, presente nos diversos aspetos da cultura algarvia, incluíndo castelos e fortalezas e algumas igrejas que foram adaptadas de antigas mesquitas, para além de fortes influências na arquitetura popular; já Vila Real de Santo António é o melhor exemplo algarvio do forte legado que o Marquês de Pombal deixou no Urbanismo português.

artesanato-algarve
doce-algarve